Feitiço














Que sensação vem a ser essa
Que toma conta do meu ser
Que se apodera do meu corpo
Sempre que penso em você

Parece feitiço, encantamaneto
Sortilégio ou algo assim
Chega de repente, me invade
E te desejo perto de mim

Meus lábios anseiam pelos teus
Meu corpo pelo toque de tua mão
Minha boca quer sentir teu sabor
Causando em ti desejo, tesão

E em cada centímetro de teu corpo
Quero teu cheiro inalar
Sussurrar em teus ouvidos
Palavras pra te dominar

E tudo isso me aguça os sentidos
Provoca-me intenso arrepio
Meu corpo todo fica em brasa
Sinto-me uma fêmea no cio

E anseio por nossos corpos colados
Numa delirante sensação
Encaixando-se com volúpia
Saciando nosso tesão


34 comentários:

  1. Majoli, as vezes a gente deseja tanto uma pessoa que realmente parece "feitiço". Cruz credo...rsrsrs
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Como é bom esse feitiço.
    Enfeitiçado por tanto desejo...
    Um
    Abraço

    Andresa Araujo

    ResponderExcluir
  3. Que gostoso seu comentário Wanderley, fiquei sorrindo ao lê-lo..rsrs.
    Às vezes é bom se sentir enfeitiçado, nos faz sentir vivos..rs.
    Beijos querido.



    Olá Andresa, obrigada pela visita e pelo carinho em seu comentário.
    Beijos no coração, lindo dia.

    ResponderExcluir
  4. Como é gostoso por aqui chegar e ver novos rabiscos da alma, quando a gente sente alguma coisa, aquele friozinho na barriga, maos transpirando, um descompasso doido no coração, o chao nos parece fugir e tudo fica acelerado, melhor nem perguntar o que é...rs..rs..pode ser amor, pode ser paixao, pode ser delirio....seu poema é uma louca viagem ao intenso e ao extase....beijos na alma e um lindo dia pra ti, obrigado pelo carinho diario comigo....e com o nosso Livro dos Dias.

    ResponderExcluir
  5. Majoli,

    Uauuu. As sensasões dos corpos, o inebriante feitiço, o desejo o tesão.

    Maravilha, mais um dos seu lindos poemas, que eu adoro.

    Beijos

    ResponderExcluir
  6. E que feitiço será este?

    Lindos versos,
    desejoso poema!

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Doce feitiço. E só tem uma cura: o encontro carnal, deixar a volúpia rolar. Lindo e sensual poema.Beijos

    ResponderExcluir
  8. Sh,acabei me lembrando de uma música antiga da Rita lee. "venha me beijar, meu doce vampiro". Esto u até ecrevendo um poema me referindo à sensualidade do Conde Drácula. Tudo isso por causa do seu feitiço"( acabei me lembrando). beijosss parabéns

    ResponderExcluir
  9. ainda bem q existem feiticeiras nesse mundao de meu Deus.

    rsss


    bj bj bj

    ResponderExcluir
  10. Nossa...eu adoro esse feitiço.

    abraços


    Hugo

    ResponderExcluir
  11. Obrigado amigo pela visita e pelo carinho
    Os únicos bens duráveis, imutáveis e sem preço, são o afeto e a solidariedade que se sentem pelas pessoas queridas.
    Um beijo

    ResponderExcluir
  12. Tens razão Everson, esse friozinho na barriga e tudo o mais, ai ai ai...rsrs.
    Obrigada por vir e pelo carinho meu querido.
    Beijos no coração.

    ResponderExcluir
  13. Uau mesmo né Bandys, sensações deliciosas por sinal.
    Beijos e obrigada pelo carinho querida.

    ResponderExcluir
  14. Blue, este feitiço
    Às vezes chega na madrugada
    Quando na cama deitada
    Sozinha e calada
    Vem na memória alguém que nos atrai
    Que mexe com a gente

    Beijos.

    ResponderExcluir
  15. Estou na procura dessa cura Carlos, e que seja com esse alguém que me enfeitiçou.

    Essa música de Rita Lee é deliciosa, gostei da lembrança.

    Beijos e obrigada pelo carinho.

    ResponderExcluir
  16. Existem feiticeiras e feiticeiros Élcio, é o caso desse feiticeiro que nem sei se sabe que me enfeitiçou.

    Beijos querido.

    ResponderExcluir
  17. Acho difícil não gostar desse feitiço, não é mesmo Hugo?

    Obrigada por vir.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  18. Obrigada pelo carinho Princesa.
    Beijos querida.

    ResponderExcluir
  19. Bom dia minha amiga, acho interessantemente gostoso seu estilo na blogosfera, toda vez que venho aqui, alem do poema, é claro, do rabisco na alma, acho super interessante suas respostas, seu carinho com cada um, voce responde um a um, isso é lindo demais,,,obrigado de coração pela sua amizade...um maravilhoso final de semana pra ti e toda sua familia, leve todos os meus beijos na alma...

    ResponderExcluir
  20. Meu querido eu é quem agradeço suas palavras, fico feliz em te ter aqui todos os dias, és ESPECIAL!!!
    Beijos no coração.

    ResponderExcluir
  21. Majoli, vou sentir sua falta. Não desista nunca de ser feliz. Volte logo.
    Beijos

    ResponderExcluir
  22. Querida, Majoli. Tentei comentar no seu último post, mas não consegui. Espero que leia este. Tristes todos nós ficaremos com sua ausência e igualmente preocupados com você.Peço que volte a escrever sim,queestará reenchendo não só nossos coraões, como a si mesma.Seus rabiscos sáo lindos e acima de tudo, da alma. Espero de coração que volte a sorrir,que supere o que está passando, mas como amigou que sou,me atrevo a dar um pequeno conselho. Não deixe de escrever,a poesia é sua terapia.Falo por experiência própria. Volte para nós, porque não der a carinha aí,todos nós ficaremos preocupados e trsites. Queremos a sua poesia? Queremos, mas queremos ainda mais seu sorriso. Fique com Deus e sinta o abraço do amigo Carlos

    ResponderExcluir
  23. E como no outro post não podemos comentar, comento aqui, deizendo lamentar esta parada. Ainda bem que é passageiro.

    Beijos

    ResponderExcluir
  24. ...miel
    del
    alma
    al
    entrar
    oro
    del
    verso
    hecho
    de
    pasion
    majoli
    y
    brotando
    duendes
    de
    luz
    con
    ecos
    vivos
    del
    amor...

    desde mis---horas rotas---

    te sigo majoli , comparto

    tus bellos poemas con un

    fuerte abrazo de versos

    abrazando el alma siempre.


    afectuosamente

    majoli:


    jose

    ramon...

    ResponderExcluir
  25. Wanderley, obrigada pelo carinho.
    Quero voltar sim, deixa só eu me encontrar de novo.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  26. Carlos, suas palavras me fizeram chorar.
    Obrigada pelo carinho, pela amizade e por saber ser especial.
    Deus o abençoe meu amigo.
    Eu volto, só vou amansar esse coração aqui.
    Beijos no coração meu querido.

    ResponderExcluir
  27. Sim Blue, é passageiro, como tudo em nossa vida.
    Obrigada pelo carinho.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  28. Obrigada pelo carinho de sua visita José.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  29. Ola Majoli!!

    Venho agradecer sua visita ao meu blog, fico feliz em ter novos amigos. No entanto, fiquei assustada com o seu último post, mas entendo você, às vezes temos que nos fastar um pouco para colocar as coisas em ordem nao é? Desejo tudo de bom pra vc e sei que vai vir revigorada, cheia de idéias legais para seus novos poemas. Deixo pra você um trecho do grande poeta Carlos Drummond de Andrade.

    "Não importa onde você parou...em que momento da vida você cansou...
    O que importa é que sempre é possível e necessário recomeçar."

    Bjs e ótima semana.

    Anita

    ResponderExcluir
  30. Olá
    Todos nós temos tempos mais difíceis, mas só temos que os superar, Força...

    Beijoka

    ResponderExcluir
  31. Anita, que prazer receber sua visita e seu carinho deixado em seu comentário.
    Pois é minha querida, existem momentos em que o desânimo e a tristeza nos faz fracos, mas cá estou eu, firme pra voltar.
    Serás sempre bem-vinda aqui nesse simples rabiscos.
    Beijos no seu coração.

    ResponderExcluir
  32. Zezé, obrigada querido pelo carinho.
    Tenha uma linda semana.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  33. Esperando voce voltar com seus maravilhosos rabiscos...uma linda semana e beijos na alma.

    ResponderExcluir
  34. Estou voltando meu querido.
    Obrigada pelo carinho nos e-mails, nos depoimentos do orkut, por aqui e com certeza o carinho maior que sei que vem de seu pensamento em mim.
    Beijos na alma.

    ResponderExcluir