Imaginação

Essa é minha participação na
do blog 

Vou dar asas pra imaginação
Voltar no tempo, ser menina
Segurar o vestido com a mão
Pisar na água, sair da rotina


Percebo algo se mexendo
Fico até meio assustada
Devagarinho vou me encolhendo
Mas descubro não ser nada


Nada que me cause medo
Pois são os peixes a nadar
Penso ser um brinquedo
Que só vai me alegrar


E a água tá fresquinha
Dá vontade de mergulhar
Será que você adivinha
O que agora vou afirmar


Sim eu mergulhei
Junto aos peixinhos, me esbaldei
Descobri que pra ser sempre criança
Basta nunca perder a esperança

16 comentários:

  1. Oi Majoli,
    Babei com sua poesia, realmente incrível.
    A minha do Mundo dos Inocentes( meu blog infantil) posto amanhã.
    Você é uma mestra em fazer lindas poesias.
    Problemas sempre haverão de vir.
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  2. Mergulhou mesmo na imaginação e saiu uma bela poesia! Eu adoro poesias assim! bjs,

    ResponderExcluir
  3. Querida Majoli,

    (suspiros...)

    Então estou sendo feiosa tambem!
    O que aconteceu com o nosso precioso tempo livre?!
    O relogio não deixa um segundo a mais para mim!

    Hoje dei uma de criança, brincando na beira da agua, pulei ondas.

    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Nossa! Que graça ler-te! Esse poema está perfeito e até me refrescou? Um abração e bote imaginação!

    ResponderExcluir
  5. Que coisa mais linda,Majoli! E temos mais que entrar na água, nos sujar, molhar, mesmo na imaginação! ADOREI! bjs, chica

    ResponderExcluir
  6. Oi tia Magoli,
    Nossa! que lindeza de poesia e com esse calor vamos todos a essa piscina natural
    Receba nossos beijinhos
    Uma linda noite
    Mundo dos Inocentes

    ResponderExcluir
  7. Majoli, que doçura de poema! A imaginação permite essa viagem dentro de nós mesmos para encontrarmos essa criança que nos mostra, tão gentilmente, a simplicidade da alegria de viver. Um abraço!

    ResponderExcluir
  8. Oi Majoli,
    Desculpa no erro do seu nome. Isso é imperdoável
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  9. Majoli, apaixonante e doce a sua poesia! Amei!!!
    Linda participação!!
    Pedrinho tá dodói!
    Beijos
    Amara e Pedrinho

    ResponderExcluir
  10. Que poema sentimental! Fiquei imaginando aqui, a menina segurando a saia ...

    ResponderExcluir
  11. Oi minha doçura
    que bom poder voltar a falar-te por aqui! despareces um tempo mas volta sempre inspirada e doce.
    Tenho 'mergulhado' também , nem sempre vejo peixinhos ... rs
    Abraços apertados 'de urso' e volte sempre ok?

    ResponderExcluir
  12. Oi, Majoli!
    Sua poesia é puro encanto! Uma delícia se imaginar novamente criança e nadar em água fresquinha. Que a esperança nunca nos abandone!!
    Boa semana!!
    Beijus,

    ResponderExcluir
  13. Amiga bela participação! Amei!Como sempre me encantas.Bjs Eloah

    ResponderExcluir
  14. Que encantadores versos, amada Majoli!
    Tinha saudades em te ler.
    Coisa boa deixar a "nossa menina" brincar e ser feliz.
    Adorei!

    Beijos,

    Lis

    ResponderExcluir
  15. Te li agorinha e nova tempestade? Tudo vai passar, certamente! Todos temos as nossas...beijos,fica bem,chica

    ResponderExcluir